quinta-feira, 20 de outubro de 2011

Banheiro público de Fernando de Noronha

Nós chegamos no Recife em agosto, quando fomos a Fernando de Noronha com uma família de gaúchos e um casal de argentinos. No início de setembro entramos no Cabanga iate clube, que oferece 60 dias de ancoragem gratuitos para quem participa da regata.

A infra estrutura do clube está ótima. Quando participamos no ano de 2004 e 2006 o clube tinha problemas de falta de água, entupimento dos banheiros etc... Agora não, o clube está impecável quanto a limpeza (os banheiros são limpos de 3 em 3 horas) funcionários bem treinados e educados, e os sócios sempre se colocaram a disposição para ajudar no que for preciso. Fomos muito bem recebidos pelo clube, pelos sócios e pela população que também sempre dá informações corretas nas ruas, sempre muito solícitos! Adoram bater papo, super legais!

A festa de abertura da REFENO 2011, para mim que já participei de duas edições foi a melhor. O buffet contratado foi ma-ra-vi-lho-so! Entradas deliciosas, jantar farto e muito gostoso (filet mignon com batatas, bacalhau com palmito, bobó de camarão, e uma super salada) bebidas a vontade (champanhe, vinhos, whisky, sucos de frutas naturais como graviola e cajá). Foram sorteados vários prêmios como rádios VHF, GPS  e uma moto 0km. Banda de música ao vivo e bem animada. Todos adoraram! Depois ainda teve um show de jazz perto de um catamarã que estava sendo patrocinado por um vinhedo, onde o espumante era servido fartamente. No dia seguinte os velejadores estavam em volta da piscina de ressaca... Em Recife foi tudo muito bom, a pré REFENO com vários churrasquinhos promovidos pela organização da regata, uma feijoada deliciosa e uma noite Espanhola oferecida pelos nossos mais novos amigos velejadores Enrique e Marta do veleiro El Duende. Fizemos novos amigos e aproveitamos bastante, mas em Fernando de Noronha um problema antigo para nós velejadores conseguiu superar todos os anos tamanha falta de respeito: Os banheiros públicos da ilha.

Nós que participamos da regata utilizamos os banheiros públicos para tomar banho. Nas edições anteriores que participamos em 2004 e 2006 eles já eram ruins, mas dava para usar. Fazíamos fila, uma segurando as mochilas das outras  (já não existia nada para se pendurar a mochila) e com algumas dificuldades conseguíamos tomar um banho, mas agora além de imundo ele está todo quebrado, com casinhas de marimbondo por todo o banheiro comprovando o abandono, impraticável tamanho fedor. O banheiro masculino então, nem tenho adjetivos para descrever. O pior de tudo é que eles sabiam do problema!!

Lá em agosto eu já havia reclamado na administração da ilha sobre as péssimas condições do banheiro. Pagávamos R$ 160,00 por dia pelo barco para que? Se nem um banheiro eles oferecem? Tirei fotos e encaminhei a organização da REFENO. A organização ficou horrorizada e me disse que haveria uma reunião com o administrador da ilha sobre o problema com o banheiro. Depois da reunião disseram que o administrador da ilha se comprometeu a "reformar" os banheiros e que eles estariam em condições de uso durante a regata.

Promessa de político!

Quando cheguei ao banheiro durante a regata para  minha surpresa nada havia sido feito, nem lavado eles haviam sido! Estavam imundos como em agosto! Uma total-completa-absoluta falta de consideração com todos nós velejadores. E o tal administrador teve a cara de pau de pegar o microfone na hora da entrega de prêmios da regata e agradecer a presença de todos nós na ilha... O pior foi saber que quando chegam navios de cruzeiro com milhares de pessoas, a administração da ilha coloca uma funcionária limpando os banheiros o dia todo, como em um shopping. Qual a diferença entre os turistas de navios e nós velejadores? E outra, além de turistas seja lá de onde eles vierem, existe uma empresa de pesca e uma obra no cais do porto que todos os funcionários utilizam esses banheiros. Eles também são pagadores de seus impostos, estão ali ralando para sustentar suas famílias e também merecem respeito!

P8070259Fotos do banheiro feminino: Portas, paredes quebradas e muita sujeira.

P9250106Temos que pendurar as nossas roupas desse jeito...

P9250105Ou em cima dessa pia...

P9250103Banheiro masculino... Só um péssimo chuveiro.

P8070258 

P8070261Sujeira

P8070262Teto quebrado e muitas casas de marimbondo

No primeiro dia que fomos tomar banho, no banheiro masculino só havia um chuveiro disponível que pingava água, no feminino haviam dois chuveiros, dai eu e uma tripulante penduramos as mochilas onde dava, encostamos a porta (quebrada e sem fecho) e começamos a tomar o banho, depois de estarmos todas ensaboadas a água começou a minguar e acabou. Ficamos as duas gritando cheias de sabão e sem água nenhuma! Depois de tanto berrarmos sei lá quem ligou a bomba e depois de uns 10 minutos a água começou a cair novamente. Fora o medo dos marimbondos... Foi horrível!

Como manifesto lavei o banheiro feminino, utilizando luvas. Para lavar o masculino eu teria que utilizar aquela roupa para criadores de abelhas, não é exagero não tá?!

P9260011Eu lavando o banheiro

P9260010Sujeira do banheiro...

     P9260007        P9260016

Um antes e depois dos vasos lavados.

Feio e quebrado o banheiro feminino continuou, mas pelo menos ficou limpo!

Depois que eu lavei o banheiro, vários velejadores vieram falar comigo e reclamar, mas galera, temos que reclamar com a administração da ilha! Eles é que não fazem a parte deles! Aliás em vários setores da ilha (estradas em péssimo estado como exemplo).

Como colocam uma pessoa que não consegue nem administrar a limpeza e manutenção de dois banheiros, em uma ilha que recebe gente do mundo inteiro?!

P9260021Plaquinha que colocamos depois da lavagem do banheiro.

Repassem e-mails,compartilhem as fotos.  Se não fizemos alguma coisa, o ano que vem será pior!

Não somos porcos para tomar banho em uma pocilga! Somos pessoas, pagadoras de nossos impostos, das caríssimas taxas cobradas na ilha e merecemos  mais respeito!

Vergonhoso!

Se não fosse por esse pequeno, mas tão importante detalhe, a regata seria perfeita!

Torço que para o ano que vem onde terão uns 120 barcos inscritos o banheiro esteja reformado e em condições de uso!!!

Comentários
4 Comentários

4 Comentários:

Anônimo disse...

No ano que partipei com vocês já era ruim, mas agora me parece impossível! Como deixaram chegar a esse ponto? Para que serve as taxas que pagamos? Que eu saiba golfinho não precisa de dinheiro pra nada!!!

Ricardo

Helena Marazzo disse...

Não acredito, isso é verdade mesmo?
Eu quero participar da regata o ano que vem no barco de um amigo e ele já me disse que teremos que tomar banho na ilha, só têm esse banheiro lá?
Não acredito...

Anônimo disse...

Eu moro aqui na Austrália, e em uma viagem que fizemos ao redor aqui do país (30 mil km) cruzando o deserto, passando por áreas totalmente remotas (400km de distância da única cidade com 15 habitantes) encontramos banheiros, com chuveiro, papel higiênico, e limpos. A ilha de noronha, pelo tamanho que é, a taxa de turismo que cobram por dia, e ainda oferecem este tipo de infra-estrutura, é algo completamente... sem palavras para descrever. De repente o dinheiro está sendo pouco... Dica, paguem a taxa de permanência somente após conferir o banheiro. :) grande abraço e bons ventos.
Rafael

Júlia Beck disse...

Poxa!!! Achei ótima a atitude!!! Porque achar ruim todo mundo acha, mas ir lá e limpar tudo, é muito mais impactante!!! Principalmente como manifesto registrado e publicado! Se não se espalhar por e-mail com certeza se espalha no boca a boca! Que vergonha! Odeio pagar caro por serviço mal feito ou infra estrutura inexistente!
Abraço
Júlia Beck

Postar um comentário

Estamos viajando e não temos uma conecção a internet fixa a bordo.
Por esse motivo, certamente seu comentário demorará a ser postado, poderá não ser respondido, mas será lido.
Se ainda assim, quiser comentar fique a vontade!