segunda-feira, 13 de maio de 2013

Curaçao

P5130009Placas de carro em Curaçao. Bonitinhas não?!

Chegamos em Curaçao nas escuras, não tínhamos informações sobre nada daqui. Só sabia que o local de fundeio era em um laggon chamado Spanish water porque li no blog do MOONWALKER  (Lábios vermelhos Karen!). Não achamos nenhum guia sobre Curaçao, Aruba e nem sobre Colômbia, nossos próximo destinos.

Encontramos um lugarzinho para fundear perto de um casal de Holandeses que nos informaram, na medida do possível,  onde era a imigração. Fomos para o centro da cidade e descobrimos que era feriado, alguma comemoração com relação a realeza Holandesa. A maioria das pessoas  vestiam roupas de cor laranja e estavam em festa. No dia seguinte foi feriado do dia do trabalho. Ou seja, não achamos onde ficava a imigração e nem adiantava porque estava fechado. Depois disso houve mais dois feriados na ilha, quatro feriados em 15 dias!

No dia seguinte um cara passou com um bote e nos deu bom dia em português. Logo depois estávamos no barco do Olivier pedindo informações. Ele é um francês com a esposa Espanhola, ambos falam um portunhol, porque já haviam morado no Brasil. Nos deram um mapa, marcaram a imigração, o mercado etc.… Uffa! Cara de pau + tiquinho de sorte!

Aqui em Curaçao, existem áreas específicas, delimitadas por bóias para fundeio: Áreas A,B,C e D. Você têm que especificar em um mapa onde fundeou quando fizer os papéis. Pagamos US$ 10 para ancorarmos por seis meses prorrogáveis por mais seis. O lagoon só é protegido do mar, mas não do vento. Não é muito espaçoso, e na temporada de furacões, nos disseram que a ancoragem fica lotada!

A atividade náutica é grande dentro do lagoon, principalmente pelas crianças, muitas praticantes de paddling, windsurf, optmist e vários outros tipos de veleiros pequenos, que não sei o nome. Cada pirralhinho voando no Windsurf, lindo de ver!

O local de fundeio é afastado do centro da cidade, mas passa ônibus e a passagem é baratinha. Demora um pouco, mas é só pegar os horários. Ficamos fundeados em um bairro chique, a meu ver. Um excelente passeio, é fazer uma caminhada  pela orla, e nas ruas por entre mansões e resorts. Uma casa mais bonita que a outra. O que mais gosto é que as casas são sempre com alguma cor, fica lindo de ver!

Um supermercado ofereçe de graça, um micro ônibus todos os dias para levare trazer os velejadores as compras.  Sai as 10:00h e retorna as 13:00h.

Em todo fundeio, existe um o serviço de acesso a internet aos velejadores por US$ 30 por mês. Mas é bem lenta. #melhordoquenada!#

A água na ilha é dessalinizada e paga, um casal de franceses oferecem o serviço de abastecimento. Para abastecer de diesel, têm um posto dentro do Curaçao iate clube, pertinho dos locais de fundeio.

P4300003Entrada do canal para Spanish water.

P4300005Do lado esquerdo do canal, um hotel com praia particular e campo de golf.

P4300007A praia, que me parece artificial, né não?!

P5080088Veleiro abastecendo de água.

P4300016Festa no centro da cidade.

P4300025Atividade náutica é grande na ilha.

P5100001A maioria da vezes pegamos o ônibus assim..

No centro da cidade, existem várias lojas de marcas famosas: Diesel, Guess, Armani, Calvin Klein, Tommy Hilfiger, Timberland  etc…, que bom que não se paga para ver lojas né não?! A Zara estava com 50% de desconto, mas consegui resistir as tentações. Lojas de relógios, perfumes, maquiagem, muitas opções e sem impostos.

Para quem gosta, a ilha é cheia de Casinos.

PENHA é a Loja tentação de perfumes e maquiagens. Bons preços, várias marcas e excelente atendimento! Passei duas horas dentro da loja… Acho que experimentei uns vinte perfumes e uns 30 batons (única maquiagem que uso). Deixei de passear no bosque para passear no shopping #piadinhasemgraçaGargalhandoP5100005

P5100006

P5020033

P5090018Foto tirada por Fausto em uma das suas caminhadas.

P5090022

P5090019Dá para ver as áeras A e B de fundeio. Estamos na área B, no canto inferior direito.

Quase me esqueci, no centro da cidade,  têm uma ponte móvel só para pedestres , que se abre quando alguma embarcação precisa entrar no canal.

P5010030

P5020034

P5020035Ponte se abrindo.

P5020036

P5020039

P5020040

P5090014

Bem bacana!

PS: Pelas fotos dá para ver o céu bem nublado, mas é um tempo abafado e quente, muito quente! Chuva mesmo que seria bom, nada!

Continuando o post…

Atendendo a sugestões de leitores atentos, que já vieram para Curaçao,  devo dizer que, a lingua local é o Papiamento, uma mistura de Holandês, Inglês, Espanhol e Português. Mas a lingua puxa bem para o lado Holandês…

A moeda local (esqueci nome agora), têm um câmbio “fixo” que varia entre 1,75 a 1,77 para 1 Dólar.  Praticamente todas as lojas aceitam dólares ou Euros.

Essa ponte, das fotos ai de cima, divide o que penso ser, dois bairros, de um lado é PUNDA e o outro lado é OTRABANDA. Que pelo meu achómetro OTRABANDA deve significar: o lado de lá. PUNDA não tenho a menor idéia!

Não tenho mais a barra de comentários. Eu tinha muitos problemas com essa barra (comentários iam para e-mails diferentes que tenho, sei lá o porquê). Então fica mais fácil responder a qualquer comentário/sugestão/críticas e elogios por e-mail:gurucacat@hotmail.com

Valeu pessoal!

Comentários
0 Comentários

Seja o primeiro a comentar:

Postar um comentário

Estamos viajando e não temos uma conecção a internet fixa a bordo.
Por esse motivo, certamente seu comentário demorará a ser postado, poderá não ser respondido, mas será lido.
Se ainda assim, quiser comentar fique a vontade!