domingo, 4 de dezembro de 2016

“Moradora de rua”

Essa é uma das vistas que tenho quando acordo. Escuto o cantar de várias espécies de pássaros, em baixo do nosso barco peixes que se abrigam e esperam que eu jogue nosso lixo orgânico para eles se alimentarem, todos os dias. Tenho peixinhos de estimação. Se eu sair para snorkear, encontrarei no mínimo umas cinco tartarugas que não fogem com a minha presença.
Ontem, conversando com um amigo gaúcho, ele nos disse que toda vez que diz que mora a bordo lhe perguntam em qual marina. - Não moro em marina! Sou morador de rua!
Simplesmente amei a expressão! Nós que moramos a bordo, já equipamos o barco para termos autonomia (água, energia) e vivermos onde quisermos. Além de não termos um custo altíssimo, escolhemos nossos vizinhos, nosso quintal.
Agora quando me pedirem um endereço direi que sou "moradora de rua" hahaha com muito orgulho
Smile with tongue out

IMG_3501
IMG_3504

Comentários
1 Comentários

1 Comentário:

A. Castro disse...

Gente como é não morar em uma marina?
Coisas como segurança, poder receber visitas que não são do mar, quando não puder dessalinizar água suficiente para o consumo...

Postar um comentário

Estamos viajando e não temos uma conecção a internet fixa a bordo.
Por esse motivo, certamente seu comentário demorará a ser postado, poderá não ser respondido, mas será lido.
Se ainda assim, quiser comentar fique a vontade!